Jeep Renegade Limited Flex 2017

Modelo 2017 ganhou mais equipamentos e melhorias no motor

No salão do automóvel de São Paulo do ano passado, a Jeep fez algumas importantes evoluções na linha do modelo Renegade e o objetivo era continuar mantendo a boa performance de vendas.

Baseada na versão Longitude, a Limited chegou para acrescentar ainda mais sofisticação e equipamentos ao Renegade. Entre os destaques estão: bancos forrados em couro, chave presencial Keyless Enter’n Go, tela de alta resolução de sete polegadas, colorida e configurável no quadro de instrumentos, faróis de xênon, sensores para acionamento de faróis e do limpador; rebatimento elétrico dos retrovisores e espelho interno eletrocrômico.

Além desses equipamentos, a versão topo de linha ainda conta com customização externa adicional como pintura prateada na grade dianteira, nas capas dos retrovisores externos e nas barras de teto. Outro diferencial é o teto sempre pintado de preto, além das rodas de 18 polegadas com pintura exclusiva.

As alterações no motor fizeram o Jeep Renegade 1.8 Flex ficar 5% mais potente, rendendo 7 cv a mais. Assim, a potência máxima subiu para 139 cv a 5.750 rpm, com etanol. O torque máximo subiu para 19,3 kgfm a 3.750 rpm e, mais importante, a força é entregue de forma mais linear por toda a faixa de giros.

O sistema Stop&Start desliga o motor em paradas de semáforo ou engarrafamentos e religando de forma sutil, assim que se solta o pedal do freio (quando o câmbio é automático). Outro importante recurso que todo Renegade com o motor 1.8 Evo recebeu foi o modo de condução Sport.

Fato que o novo motor melhorou a disposição do Jeep Renegade. A principal mudança é percebida na cidade, onde o modelo está mais ágil nas arrancadas, porém na estrada, a mudança é menos percebida.

O Renegade Limited acelera de 0 a 100 km/h em 11,1 segundos. Sua velocidade máxima é de 182 quilômetros por hora. Isso atende perfeitamente a maior parte do uso típico do cliente de um Renegade. Mas se o usuário for usar o Jeep em estradas de serra, com o veículo frequentemente carregado, poderá sentir falta de um pouco mais de potência.

O consumo também está melhor nos modelos 2017. Segundo o INMETRO o Renegade recebe letra B em relação a categoria e letra C na classificação geral. Com etanol são 6,5 km/l na cidade e 7,6 km/l na estrada. Com gasolina sobe para 9,5 km/l na cidade e 10,9 km/l na estrada.