Mulher, mãe e empresária

Por muitos anos, Daysi Messici exerceu o papel de mulher, esposa, dona de casa e mãe de duas meninas, Carol e Isabella, hoje com 37 e 17 anos, respectivamente.

Ela conta que se tornou empresária aos 47 anos e apostou no potencial do mercado do luxo em Campinas, inaugurando a loja KĒR UNIQUE LIFE, um sonho antigo. A empresária diz que ser mãe é o papel mais importante por ela desempenhado e que se realiza nessa missão. “Ser mãe, é o papel mais importante que realizo em minha vida. Aprendo todos os dias com minhas lhas, não importa a idade que tenham”, diz.

Daysi explica que o lado empresária teve que se adaptar as funções de mãe e conseguiu conciliar muito bem os dois papéis. “Mãe é sempre mãe e o lado de mulher de negócios teve que se adaptar ao meu lado materno. Dessa forma, não houve prejuízos de nenhum lado”, contemporiza.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A empresária conta que aos 17 anos teve que cuidar da mãe que ficou doente e assim já iniciou o papel materno. “Minha mãe adoeceu e ficou dependendo dos meus cuidados, começou aí minha experiência como mãe, uma inversão de papéis. Quando me casei, ela foi morar comigo”, relata Daysi.

“Aos 23 anos nasceu a Carol, minha primeira lha e aos 43 nasceu a Isabella, minha mãe faleceu aos 80 anos do nosso lado e deixou muita experiência e ensinamentos. Comecei minha experiência empresarial em São Paulo, e em 2006 mudei para Campinas e aqui “finquei” minha bandeira como empresária. A realização de um desejo virou realidade. A KĒR, que significa coração em grego, era o meu desejo de ter uma loja multimarcas. Idealizei essa loja, como se fosse um “coração de mãe”, ou seja, um espaço onde acolho todas as clientes e amigas. Estar comigo, sentar, conversar, rir e até chorar. Ser mulher, além de gostar de sapatos e bolsas, é precisar falar. E lá estou sempre de coração aberto para recebê-las”, conclui a empresária e mãe Daysi Messici.